SEGREDO: APÓS PATENTES VAZADAS, VEJA COMO SERÁ O NOVO HONDA CITY

Assim como o futuro jipinho do Fit foi antecipado pelo conceito Urban SUV, o novo City deriva do Concept C apresentado no Salão de Pequim de 2012. Como poderia se esperar, o carro das patentes vazadas é bem menos arrojado nos detalhes que o protótipo, mostrando uma evolução até óbvia em relação ao carro atual, sem grandes rupturas de conceito no estilo.

O design segue um pouco do Civic, com frente baixa, lateral cortada por vincos e a traseira menos arrebitada que no City de hoje. Na frente, o destaque fica para a grade em alto relevo que avança sobre os faróis. Atrás, as lanternas ficam maiores e avançam pelas laterais e pela tampa do porta-malas, além de serem unidas por um friso cromado (com o mesmo efeito dos faróis unidos pela grade cromada na dianteira).Estruturalmente, a mudança mais importante será o aumento na distância entre-eixos, que deve ficar em torno de 2,60 m. A intenção é ampliar o espaço interno e entrar na briga com os sedãs compactos mais crescidinhos, como Nissan Versa e Chevrolet Cobalt, mas sem crescer a ponto de incomodar o Civic – que até lá terá passado por uma nova reestilização, como a já lançada nos EUA. A capacidade do porta-malas será mantida na faixa dos 500 litros.

Como aconteceu na mudança do Civic (que só foi receber motor 2.0 agora), não são esperadas mudanças mecânicas no novo City. O sedã continuará a usar o motor 1.5 16V de até 116 cv – que pode pintar numa versão FlexOne, sem tanquinho de partida a frio – em versões de câmbio manual ou automático, sempre de cinco marchas.A produção na Argentina, de onde o City vem para cá atualmente, está prevista para começar no ano que vem. Já a unidade brasileira de Sumaré (SP) ficará responsável pelo inédito jipinho e pelo próprio novo Fit, este ainda o único integrante da futura família que permanece com as linhas sob sigilo.

  • Fonte: CARPLACE /
  • Autor: DANIEL MESSEDER /
  • Data: 11 abril 2013
COMPARTILHE
NAS REDES SOCIAIS

MAIS NOTÍCIAS