SAIBA COMO LAVAR O CARRO A SECO

A crise hídrica na região sudeste do País levou a Câmara de São Paulo a aprovar um projeto que prevê a multa de R$ 250 para quem for flagrado por mais de uma vez lavando carros ou calçada com água tratada. Para quem leva o automóvel ao lava rápido, a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo, a Sabesp, alerta que uma lavagem rápida pode representar o desperdício de até 560 litros de água. Restou aos motorista buscar novas fórmulas para não ficar com o veículo sujo por meses em suas garagens. Neste caso, a lavagem a seco foi a melhor opção restante.

A operação pode ser feita em casa e só requer um pouco de paciência, além de muitos panos de microfibras, indicados para esse tipo de limpeza. Segundo o responsável técnico da Rodabrill, que comercializa um kit de lavagem a seco (preço sugerido de R$ 24,90), Fernando Pagotto, o processo deve começar sempre pelo teto, passando pelo capô e, por último, lateral e partes baixas da lataria. Nesses locais, o indicado é utilizar um pouco mais da mistura no tecido para retirar o 'grosso' da sujeira.

"Basta aplicar o produto no pano e fazer movimentos circulares na lataria. Antes que seque, outro pano limpo é usado para remover o produto", ensina. Antes de a limpeza começar, o automóvel deve estar na sombra e a lataria fria. A solução pode ser utilizada em todos os tipos de cores e veículos cuja pintura tenha verniz e esteja em bom estado de conservação.

Há outros produtos no mercado, como o kit da Luxcar (19-3746-7900). O chamado Lava Seco Spray deve ser aplicado à sombra e ser retirado após agir por 20 segundos. De acordo com a fabricante, o produto rende até quatro aplicações. O kit com uma lata e duas toalhas de microfibra pode ser encontrado em supermercados e tem preço sugerido de R$ 29,90. Outra solução interessante são as capas para cobrir o veículo. Na MercadoCar (2206-5000), o produto parte de R$ 39,90.

Há diversos sites que vendem produtos para limpeza a seco. A dica antes de comprar é verificar se possuem certificação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Caso contrário, podem causar danos não só à lataria do carro, mas também à saúde de quem os aplica. É possível remover qualquer tipo de sujeira com a lavagem a seco, mas em carros com muito barro, que voltaram de um rali, por exemplo, a recomendação é levar para algum lava-rápido que tenha elevador para que o chassi seja lavado.

Lavar um veículo compacto custa R$ 30 na EcoDry (3832-0475), na zona oeste – o mesmo valor cobrado em postos de combustível. Na DryArt (2953-6255), na zona leste, um sedã médio sai a R$ 35. Na DryWash (2954-8688), que tem várias unidades, o preço da lavagem de um carro pequeno a médio fica entre R$ 38 e R$ 53 e de um grande, de R$ 48 a R$ 75.

Entenda o passo a passo para a lavagem a seco em casa:

1- Depois de comprar um kit de limpeza a seco, certifique-se que o carro está à sombra e com a lataria fria.

2- Agite bem o produto antes de usar e durante a aplicação.

3- Utilize um pano de microfibra para aplicar o produto na lataria e outros dois (ou mais, dependendo do tamanho do automóvel) para remover a solução.

4- Dobre um dos panos de microfibra por duas vezes de forma a obter oito faces de limpeza. Mude a face e desdobre sempre que estiver muito sujo.

5- Aplique o produto no pano de microfibra - não direto na lataria. Com movimentos circulares, limpe as partes desejadas e, antes de secar, remova-o com o outro pano de microfibra, limpo e seco.

6- Limpe pequenas áreas de cada vez. Limpe o veículo sempre de cima para baixo.

7- Caso o produto seque na lataria, aplique novamente o produto e repita o processo.

8- Ao final, utilize outro pano para dar brilho e acabamento.

  • Fonte: O ESTADO DE SÃO PAULO /
  • Autor: REDAÇÃO /
  • Data: 05 maro 2016
COMPARTILHE
NAS REDES SOCIAIS

MAIS NOTÍCIAS