PEUGEOT DECIDE FUTURO DE MODELOS NO BRASIL

A Peugeot deverá realizar uma reestruturação em sua linha de produtos no mercado brasileiro, concentrando esforços em determinados segmentos e abdicando de outros.

Um dos modelos confirmados para o mercado brasileiro é o 2008. O utilitário esportivo será a grande estrela da marca no Salão do Automóvel, desembarcando no país em 2015. Fabricado em Porto Real (RJ), o SUV aproveita não só a plataforma como diversos componentes do 208, desde os materiais do interior até as motorizações – no Brasil, o 2008 deve ser vendido com o motor 1.6 16V Flex. A marca, inclusive, estuda ampliar sua presença no segmento de SUVs, um dos mais rentáveis na maioria dos mercados onde a Peugeot está presente. A apresentação do conceito Quartz indica que a montadora está disposta a ter um segundo modelo em seu portfólio além do 2008.

Já outros modelos ainda não devem sofrer alterações ou tem futuro incerto. Ainda não será desta vez que a marca começará a vender o novo 308 europeu. O modelo fabricado na Argentina permanece em linha por mais algum tempo, podendo até sofrer uma leve reestilização até a chegada da nova geração.

O caso do 508 é um pouco mais delicado. A filial brasileira ainda estuda a importação do modelo recém-reestilizado na Europa. No entanto, as baixas vendas do modelo podem sacramentar seu fim no país. “Todo veículo importado precisa apresentar resultados que justifiquem o investimento para trazê-lo. O 3008, por exemplo, é um modelo já consolidado no Brasil. Se for para vender poucas unidades, não vale a pena (manter a importação)”, afirmou Carlos Gomes, presidente do grupo PSA Brasil e América Latina.

  • Fonte: QUATRO RODAS /
  • Autor: VITOR MATSUBARA /
  • Data: 03 outubro 2014
COMPARTILHE
NAS REDES SOCIAIS

MAIS NOTÍCIAS